APOIADORES DOS ODSs VISITAM BARCARENA


APOIADORES DOS ODSs VISITAM BARCARENA
APOIADORES DOS ODSs VISITAM BARCARENA

Participantes da Oficina de Localização da Agenda 2030. promovida pela Rede ODS Brasil(Objetivos de Desenvolvimento Sustentável). estiveram em Barcarena, na manhã desta quinta-feira (26), para conhecer de perto as ações e projetos da prefeitura na busca para alcançar as metas sociais estabelecidas pela ONU. A comitiva se reuniu no auditório do complexo administrativo onde foram apresentadas as iniciativas locais.

As apresentações de cinco secretarias municipais começaram por volta de 10h. O encontro foi aberto pelo secretário de Planejamento de Barcarena, Jacobson Estumano, que saudou os presentes e deu boas vindas aos convidados de fora em nome do prefeito Antônio Carlos Vilaça e do vice Paulo Alcântara, que estavam ausentes. Jacobson fez um apanhado histórico sobre a formação socioeconômica do município.

As ações da Assistência Social foram apresentadas pela secretária Juliena Nobre, que destacou os projetos Barca Flor, de empoderamento de mulheres, e o Batuqueiros, da comunidade da ilha Arapari, que incentiva crianças e adolescente a produzir música. A Secretaria de Saúde divulgou números de atendimento médico na cidade e destacou o premiado projeto Em Busca de Marias, de combate ao câncer.

A Secretaria de Trabalho e Emprego apresentou o papel da instituição e destacou a atividade que cuida da qualificação de trabalhadores no município. De acordo com os coordenadores da Semute, este ano, mais de 600 trabalhadores já foram inscritos no processo que vai certificar as pessoas sem o diploma do ensino fundamental e médio, por meio da prova do Ceeja – o Centro Estadual para Educação de Jovens e Adultos.

A última Secretaria a apresentar ações e projetos foi a de Agricultura. O secretário Paulo Ronildo destacou o projeto Mecaniza Barcarena, que prepara a terra para o plantio de sementes. Ele também falou sobre o projeto de piscicultura nas comunidades e ressaltou a construção e revitalização das feiras do município. Ronildo também falou sobre o projeto de feira itinerante, que está em andamento na cidade.

IMPRESSÕES – A equatoriana Mileny Santillan, diretora de Cooperação Internacional do Congope (Consórcio de Governos Provinciais do Equador) disse que a troca de informações ajuda no aprendizado da rede ODS. O professor Thiago Galvão achou que todas as apresentações da prefeitura foram “fantásticas”. “O município está fazendo muita coisa”, disse ele. No final do encontro, os apoiadores dos ODSs foram conhecer o Caripi.